segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Ciática – o seu tratamento passa por uma medicina integrativa

imagem copiada net

Tenho constatado que as dores ciáticas são muito comuns, é dificil encontrar uma pessoa com mais de 40 anos que não tenha sofrido com elas.
A dor é um Aiaiaiaia..... de dar pena, começa na zona lombar e estende-se pela perna atingida, a dor dificulta os movimentos e é sentida como uma pontada, um queimo, associada a baixa sensibilidade e fraqueza nos músculos envolvidos. Na fase aguda a dor pode ser incapacitante, e impedir mesmo a locomoção, porque a pessoa sente os movimentos da perna travados e não consegue fletir a coluna o que determina muitas vezes o repouso absoluto.
Pessoas de mais idade estão mais sujeitas ao problema, pois com o passar dos anos nossa “carroçaria” fica mais usada, e as vértebras perdem a capacidade de absorver impactos, o que leva a lesões e a distúrbios da coluna vertebral. Se por qualquer razão estes inflamarem, temos instalado um processo doloroso. Uma boa parte dos casos de dor ciática está relacionada com a hérnia discal, mas também pode dever-se a casos de artrite da coluna, a fraturas, a traumas e a outros processos infeciosos.
Ao contactar com pessoas que tiveram este problema, apercebi-me de uma escada medicamentosa, onde inicialmente são prescritos analgésicos anti-inflamatórios em forma de comprimido, depois em injeções, caso não haja alivio, é prescrito cortisona injetavel e por ultimo cirurgia.
O que penso sobre isto?
Penso que a “União faz a força”, e por infelizmente alguns medicos não prescreverem esta união, o doente é dirigido para cirurgia, isto porque nas lombo-ciaticalgias têm de haver sempre manipulação fisica. Existem muitas técnicas que podem ajudar, como a acupuntura, a quiropratica, a osteopatica, a massagem e todos os tratamentos tradicionais que foram desenvolvidos para alivio da inflamação e da dor.
Muitas vezes é necessária a intervenção cirúrgica, se uma pessoa tem recorrência de episódios de dor ciática sistematicamente, se já tomou a maioria dos fármacos recomendados, e muito importante recorreu a acupunctor, osteopata, etc e ainda assim a dor o impede de levar uma vida normal ou sente fraqueza significativa no músculo da perna ou do pé que não consegue resolver, nesta situação eu aconselharia a cirurgia. Mas, cirurgia é uma agressão ao corpo, as técnicas cirúrgicas evoluíram muito, mas tem riscos, inclusive pode haver piora do quadro, por ocorrência de fibrose e outros distúrbios, por isso deve ser a nossa ultima cartada, até lá há muito a fazer.
Pela Net circula muita informação e alguns metodos tradicionais para alivio da dor, no entanto penso que era importante procurar ajuda de um profissional, pois cada caso é um caso. Há ciaticas que surgem no verão e requerem determinado tratamento, diferente do tratamento de uma ciatica que surja no inverno. Nalgumas pessoas a dor é aliviada com o movimento e noutras com o repouso, umas preferem aplicações frias e outras quentes, de acordo com a natureza da disfunção.
Existem vários complementos que podem ser tomados para ajuda,mas de uma forma generalista vou indicar dois:

-Como fitoterápico eu recomendo o Harpagophito ou Unha do Diabo – é uma planta anti-inflamatória que ajuda a acalmar a dor.




-Como homeopático o Colocynthis-Homaccord em gotas – tomar de acordo com a embalagem.




Mesmo que esteja a tomar fármacos, pode associar para seu beneficio, os indicados acima.
Tenha calma, não desespere, a dor vai passar...

Sem comentários:

Enviar um comentário