segunda-feira, 5 de maio de 2014

Como ajudar as crianças a serem melhores alunos


Todos nós amamos os nossos filhos.
Todos nós queremos o melhor para eles.
Todos nós nos esforçamos para que eles tenham uma boa aprendizagem e com isso um futuro melhor.

Mas, em algumas situações as coisas correm menos bem, as crianças não se concentram, as notas são más,...aqueles problemas pelos quais alguns pais e filhos passam.
O que fazer para ajudar?

Exercício...Exercício e mais exercício...
Manter as crianças ativas é uma excelente maneira de aumentar a concentração e desta forma aprender mais.
O exercício é muito importante para o cérebro dos nossos filhos, sabe-se que a atividade física tem um resultado direto na função cerebral, porque estimula o cérebro a trabalhar na sua capacidade máxima, fazendo as células nervosas se multiplicarem e fortalecendo as interconexões.

Durante o exercício, seu corpo produz o chamado fator neurotrofico que é uma proteína  que cria outros produtos químicos que promovem a saúde neuronal com ação direta sobre as funções do cérebro incluindo a memoria e a aprendizagem.

Quando se faz exercício físico maior fluxo de sangue e de energia chega ao cérebro, e com isso toda a fisiologia bioquímica é alterada o que melhora o nosso bem-estar assim como aumenta o poder cerebral.

Antes de perguntarmos: " ...já fizestes os trabalhos de casa?...porque não perguntar: ..." já fizeste o exercício de hoje?...
Os ponteiros não param, e os dias tornam-se pequenos, por isso as crianças têm de ser incentivadas a fazerem escolhas melhores, têm de trocar a televisão e os jogos pelo o exercício.

Sabe-se que as crianças com problemas de hiperatividade, falta de concentração e distúrbios emocionais, como fobias, medos e alterações de humor, melhoram imenso com atividade física tanto isolada como em grupo.
No entanto, não nos podemos esquecer, que só podemos exigir aquilo que nós somos capazes de dar, por isso temos de também nós - pais - dar o exemplo e começar a fazer exercício físico.


2 comentários:

  1. Gostei!! Concordo com tudo! Até para os "mais crescidos" a atividade física é recomendada como uma forma de manter o cérebro ativo! É isso aí menino: "larga e video game e vamos brincar lá fora!!"

    ResponderEliminar
  2. É verdade Vivi! Todos nós crianças e adultos temos de reaprender a viver "lá fora", temos de nos consciencializar da importância do mexer, do apanhar sol, do respirar...e também do sorrir. Obrigada Vivi pelo comentário e beijinho grande

    ResponderEliminar