quinta-feira, 16 de julho de 2015

Onicomicose? - O que é, como tratar?


Não é um nome muito fácil, mas é um problema que afeta milhares de pessoas, nunca vi tanta onicomicose, não me lembro dos meus avós, nem do meu pai, nem dos meus vizinhos idosos sofrerem deste problema, atualmente é rara a pessoa que não tem ou que está a fazer tratamento.

O que é a Onicomicose?
É uma infeção fúngica nas unhas, ou seja são " bichinhos muito pequenos" que se desenvolvem nessas unhas, alimentam-se da queratina e gostam de estar lá. Podem atingir as unhas das mãos ou dos pés.

A micose das unhas é contagiosa, os bichinhos passam-se tanto para outras pessoas como para outras unhas, por isso deve usar unicamente a sua toalha e uma única vez.

Porque tenho fungos?
Porque todos nós temos fungos, fungos inofensivos que vivem naturalmente na nossa pele, sabe-se que temos 200 tipos diferentes de fungos a colonizar os nossos pés e todo o nosso corpo é uma riqueza fungica. Perante isto podemos perguntar, então se todos temos muitos fungos porquê que algumas pessoas tem problemas com eles e outras não?
O especialista em fungos Dr. Paul Dyler da Universidade de Nottingham diz o seguinte: " os fungos podem co-existir muito bem no nosso corpo humano sem causar qualquer dano, exceto em pessoas com sistema imunológico deficiente."
Pois é, não são os fungos o problema, mas sim a sua proliferação, nós temos uma determinada quantidade de fungos e isso é normal e necessário, mas quando o local assim como as condições do corpo reúnem um ambiente propicio a que estes se desenvolvam  em demasia provocam as infeções fúngicas, que neste caso ataca as unhas. Por isso estas infeções surgem em pessoas com outros problemas como diabetes, má circulação, doenças imunes, e em pessoas que têm um meio interno ácido. Estes bichinhos só se desenvolvem porque têm condições para isso. Por vezes os fungos nas unhas dos pés podem dever-se ao fato de andar todo o dia calçado, o pé não apanha ar, e se além disso transpirar muito dos pés, pode criar uma condição favorável aos fungos já existentes a desenvolverem-se.

Tratamento
A medicina usa medicamentos para fazer frente aos fungos - os anti-fúngicos - que podem ser tópicos aplicados localmente ou em forma de comprimido para tomar via oral.
Se foi ao medico e se a sua unha está muita afetada, provalvelmente ele lhe receitou um destes antifungicos:  Terbinafina, Itraconazol, griseofulvin ou o Fluconazol.
Estudos recentes indicam que a Terbinafina e o Itraconazol apresentam taxas de cura mais altas que as drogas mais antigas como a Griseofulvina e o Fluconazol.

Devemos tomar sem pensar estes antifungicos orais?
Os fungos são bichinhos muito pequenos, são chamados de eucariotas, então biologicamente são muito semelhantes ás nossas células, e por isso é difícil descobrir-se um fármaco que afete os fungos e não as  células humanas, por isso os antifúngicos têm tantos efeitos secundários, principalmente a nível hepático onde são metabolizados. Desta forma deve-se fazer uma avaliação entre os prós e os contra, e verificar se uma opção mais natural seria benéfica.

 Tratamento Natural 
 - Uma maneira de reduzir estes bichinhos é reduzir o açúcar, que alimenta os fungos, entre os açucares está o pão, massa e arroz branco e todas as bebidas açucaradas.

Terapêutica diária:
- Faça um banho de pés com agua e bastante vinagre de maçã, deixe 15 a 20 minutos. Seque bem os pés, tire toda a humidade. Se a infeção for nas mãos, faça o mesmo.

- Aplique Vick Vaporub.



- Calce sempre meias de algodão nas quais deitou bicarbonato de sódio, e todas os dias use umas lavadas.
- Sempre que possa deixe as unhas andar ao ar e exponhas diretamente ao sol.

- Como hidratante de mãos e de pés use óleo de coco, ele é antifúngico.


 Espero ter ajudado, se tiverem alguma duvida não hesitem em perguntar.

Sem comentários:

Enviar um comentário