quarta-feira, 15 de abril de 2015

Por design somos todos saudáveis, só ficamos doentes por padrões errados. Você concorda?


É um medico naturopata, vive nos EUA e come muita fruta, de tal forma que o chamam de "Mango Man" devido ás mangas que come, ele diz:
"A idade não é uma questão de anos, é uma questão de condição. Você pode manter a sua saúde até morrer, porque tem 75-90000000000000 células no seu corpo que trabalham simbioticamente para si."

Waine também é conhecido por defender a COMBINAÇÃO DE ALIMENTOS, diz que uma principais causas de desnutrição não é a falta de alimentos é a má digestão que deriva de uma má combinação alimentar.

Sua mensagem é de que a Saúde é possível, para isso você tem de limpar o seu corpo, livrar-se das toxinas internas e otimizar a nutrição, algo que fazemos todos os dias e várias vezes por dia.

Para você estar bem, suas células têm de estar bem, e para que isso aconteça adequadamente tem de haver uma nutrição que assenta em quatro processos importantes e constantes que são:
- Digestão
- Absorção
- Assimilação
- Eliminação

Alguns conselhos do Dr. Pickering
- Quando se fala de alimentação saudável temos de levar em conta os alimentos da época. Nosso corpo muda de acordo com o clima das estações do ano, o fato de comermos alimentos locais e daquela altura faz com que fortaleçamos a relação intrínseca que existe entre o nosso corpo e a Terra.

- Deve-se selecionar os alimentos de acordo com a nossa atividade física, vejamos que um empregado de escritório não pode beneficiar de uma dieta igual à de um agricultor, nem alguém que faz exercício fazer uma dieta semelhante aquele que não faz. Há diferenças nas necessidades nutricionais.

- Temos de selecionar os alimentos de acordo com a química digestiva. Dr. Pickering também chama atenção para os pensamentos na hora das refeições, porque aquilo que se pensa pode alterar os processos químicos digestivos. Não veja telejornal ás refeições, nem fale de coisas que emocionalmente são negativas.
Porque não dar graças pela comida antes de a ingerirmos? Agradecer sempre foi a chave para as emoções positivas, assim como uma forma de comer mais devagar e saborear a refeição, o que tem um impacto direto e positivo sobre a digestão.

- Waine é um grande defensor da Combinação dos alimentos e tem razão, se os alimentos que comemos não os digerirmos corretamente vai surgir problemas como arrotos, azia, refluxo gástrico e pior do que isto tudo é que ao não ser digerido, não vai poder ser facilmente absorvido o que vai privar o corpo de nutrientes essenciais. A combinação de alimentos leva em conta onde e como é feita a digestão de cada alimento, para que ele possa passar todo o sistema digestivo com facilidade.
Segundo as regras das combinações alimentares nunca devíamos misturar uma proteína e um amido, mas isto é o que mais se faz na gastronomia portuguesa, é peixe com batatas, é carne com massa ou arroz. O peixe e a carne são proteínas e as batatas, massas e arroz são amidos. Porque não devemos misturar os dois?
Dr Pickering explica:
" Se você conseguisse colocar a sua mão dentro do seu estomago quando este está a digerir bifes, você ficaria sem mão. O ácido é muito forte...mas quando mistura batatas ou pão que são amidos e precisam de um meio alcalino (não ácido) para serem digeridos, vai diminuir esse ácido. Então o que acontece com a carne, com as proteínas? Não vão ser digeridas apropriadamente e vão prosseguir no tubo digestivo mal digeridas o que provoca muita turbulência e como deve imaginar problemas no futuro".

Vivemos um paradigma do tipo "o corpo é frágil", sob uma crença equivocada de que estamos propensos à doença façamos o que fizermos, mas acredito que no futuro o padrão vai mudar e vamos olhar por uma perspetiva mais biológica e ver que o corpo é incrivelmente sábio com um "instinto" natural inato para a Saúde e que seguindo certos princípios naturais vamos ajudar e permitir que o corpo faça o seu melhor, porque quer aceitemos ou não "aquilo" que luta por nós é sempre o nosso corpo, algo que já se diz há muito " o medico entretém o doente enquanto o corpo cura".


Sem comentários:

Enviar um comentário