quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Tratamento Natural da Gastrite

imagem copiada net

A Gastrite é uma inflamação na mucosa do estomago.
Pode-se sofrer de gastrite e não apresentar nenhum grande sintoma, mas normalmente manifesta-se em forma de azia, refluxo, com dor, a pessoa sente-se mal com tudo o que come, e após as refeições tem dilatação abdominal. Um dos sintomas mais manifestados é a dor na zona do epigástrico, em forma de acidez, que pode melhorar ou não com alimentação, pode ou não ser acompanhado de náuseas e vómitos.
Como não se digere bem os alimentos, cria-se um processo de putrefação com presença de arrotos e gases.

A Gastrite pode estar presente nas pessoas com estados emocionais muito alterados, nas que tomam muitos medicamentos e nas que têm uma alimentação inflamatória.
Pode ser aguda e neste caso há presença de excesso de ácidos gástricos, mas se este estado de hiperexcitação contínua persistir muito tempo, leva-nos a uma gastrite cronica onde se dá precisamente o contrário, que é a falta de sucos gástricos pelo esgotamento das glândulas secretoras.

O que Prejudica
Diz-se que sem calma, sem repouso interno e externo, sem uma atmosfera de confiança e alegria, o doente atacado duma afeção gastrointestinal não pode curar-se.

- Todos os medicamentos químicos e principalmente os analgésicos anti-inflamatórios têm uma ação muito prejudicial na mucosa gástrica.
- A alimentação dos países ditos civilizados, é uma alimentação pró-inflamatória, que leva a estados de …ite, como o são os fritos, o excesso de gordura, os picantes, a farinha refinada, o açúcar, os corantes e adoçantes alimentares (altamente prejudiciais), e o álcool.
- A cafeina é agressiva para o estomago e nós a encontramos no café, no chocolate e no chá preto, substâncias que devem ser evitadas por quem tem gastrite.
- O leite que foi e penso que ainda é recomendado para o estomago, na realidade o que ele faz, é dar um alívio rápido imediato. Se a pessoa tomar muito leite vai ingerir muito cálcio, e o cálcio é um dos estimuladores dos recetores da célula gástrica para produzir mais ácido clorídrico, logo vai ter uma hipersecreção que vai agravar o quadro doente que já tem. O leite é bom para os bezerros, não para os humanos.
- O cigarro está altamente associado com a gastrite e com a úlcera.

Pode uma gastrite evoluir para uma úlcera?
Por múltiplos fatores, uma pessoa pode ter uma gastrite progressiva, começar por ser leve, moderada e intensa, e se manifestar na forma hemorrágica, e virar uma úlcera. No entanto, não existe uma correlação obrigatória da sequência da gastrite evoluir até ulcera, depende da pessoa. Por exemplo, um stress agudo pode fazer com que a pessoa desenvolva uma gastrite progressiva e chegar rapidamente a uma lesão ulcerada.

O que pode fazer o portador de Gastrite?
Só se cura uma doença gastrointestinal (e não só), e só se tem Saúde, com uma Alimentação Natural.
Deve-se dar prioridade aos alimentos crus, vivos, cheios de enzimas, ou seja de vida. Deve-se começar qualquer refeição com alimentos crus, como por exemplo uma salada, para preparar o estomago para os alimentos cozidos, de forma a não se dar a leucocitose digestiva.

Gastrite Aguda
Na gastrite aguda, fazer um jejum à base de sumo de cenoura ao qual se juntou um pouco de batata, sumo de uva, de beterraba, de couve são excelentes soluções.
Durante um tempo tomar dois dedos de sumo de batata diluído num pouco de agua, antes das refeições.
Em jejum beber suco verde feito com folhas de couve.
Outra boa opção é o limão. Comece por tomar sumo de meio limão num pouco de água em jejum, depois passe a tomar um limão inteiro e sem água. Não pode adoçar.
Sempre que sentir azia ou acidez, experimente o sumo de limão ou o suco da batata.
Beber leite vegetal de amêndoa, é dos leites vegetais o que mais alcaliniza, logo poderá ter efeito benéfico sobre a mucosa gástrica inflamada.


Gastrite Cronica
Na gastrite cronica há necessidade de juntar à dieta um pouco de ácidos naturais, como os da fruta ácida. A alimentação deverá ser composta principalmente de frutas, legumes crus e cozidos no vapor, acompanhada de cereais integrais como o arroz, trigo-sarraceno, quinoa, aveia. O ideal seria juntar germinados.
Beber suco verde, sumo de laranja diluído (iniciar com pouco) e sumo de cenoura e de beterraba.
A canela e o gengibre são condimentos que podem ser benéficos.
 Juntar salsa, coentros, hortelã, manjerona e orégãos às saladas, também pode beber chá de salsa.
Comer Aloé Vera, isto é cortar uma haste da planta e todos os dias comer uma fatia da largura de dois dedos. Mastigar muito bem e engolir.

Outros conselhos
Quando o estomago está atacado pela gastrite, tanto numa versão como noutra, com presença de dor, precisa de ser estimulado e de ter uma circulação sanguínea ativada pelo aquecimento e pelo repouso, por isso deve-se aplicar compressas quentes no abdómen. Estas devem ser aplicadas após as refeições, no sentido do comprimento. Diziam os antigos que as compressas quentes com infusão de camomila eram particularmente ativas.

Resumindo, o melhor tratamento para a Gastrite tanto aguda como cronica, é beber em jejum umas colheradas de suco de couve e nos casos agudos com presença de acidez é beber suco de batata.
A grande planta para a Gastrite dos portugueses é a Erva-de-são-roberto.
Tão fácil quanto isto.

Sem comentários:

Enviar um comentário